segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Meu rap nO Teatro Mágico

 Fotos @ninafideles
Estar no palco, é algo mágico.
E se tratando dessa magia, O Teatro Mágico é essencial. Ontem tive o prazer de estar no palco com eles, e desfrutar dessa energia que emana do palco para o público e do público para o palco. Foi LINDO.

Eu tinha acabado de chegar do interior paulista, depois de uma maratona de shows, A Família. Cheguei na capital debaixo de uma chuva fina, passei em casa, e logo me encontrava no Carioca Club, encontrando amigos, numa felicidade de estarmos juntos, de verdade. Eu, meu coração Nina Fideles, Sérgio Vaz, Cocão (Versão Popular) e toda trupe do TM e o público que lotava todo metro quadrado e suas redondezas.

Cheguei, fui direto ao palco, celebrei com na música Xanéu nº 5, com uma versão feita por mim (A tv falou que eu estou louco) e pelo Fernando Aniteli. Homenageamos o GOG com a música É o Crime, e o público, generoso, fez como nós na periferia falamos: "Fechou de igual"... Salve, salve, salve, salve, salve...

Depois, o poeta Sérgio Vaz entoou sua poesia, aos ouvidos e corações... Porém...

E eu, fiz assim...

A Tv falou que estou louco e não me liguei
Na programação diária, Vem meu bem.
Disse que cultura e informação são pra quem pode,
e não pra favelado, marginalizado, pobre.

Desculpa se eu não sou do seu perfil, senhora.
Desculpa, seu controle remoto não me controla.
O poder da palavra livre, liberdade nossa
Não está nas ondas do rádio que você manobra.

Não posso ficar zumbisando na frente dela
A tela colorida atraindo a platéia.
Venha vê, venha vê
A nova mentira que nasceu na Tv.

Mas não dá, mas não dá, ficar parado ali
Aceitando ser alienado sem reagir.
Minha postura, minha palavra, minha dignidade
Cabeça erguida sempre, sempre pela verdade.



Crônica Mendes e Fernando Aniteli

Fernando Aniteli


Sérgio Vaz


O Teatro Mágico

2 comentários:

Ahh... Line. disse...

Isso é arte pura! Arte viva!

Jubs disse...

Muito bom... cada vez mais mostrando que aqui tem cultura (: